quarta-feira, 23 de fevereiro de 2011

The Fighter

Filme baseado numa história verdadeira de 2 irmãos, ambos lutadores de boxe mas com destinos, na vida e no ringue, completamente diferentes.
O desempenho de Christian Bale está, como é hábito, fenomenal. Bale está completamente transformado (lembram-se do Maquinista?)  conseguindo fazer seus, os maneirismos de Dicky Eklund, ex-pugilista e crackhead.
A família está assustadoramente real e suburbana, sobretudo a mãe e as sete (7) irmãs, com as raízes escuras e o cabelo loiro e seco, sempre a fumarem, sem trabalho, arruaceiras e mandonas, de quem o próprio pai tem medo.
Todos vivem em torno dos 2 rapazes, acabando por mimá-los demais e de menos ao mesmo tempo.
Aquilo que não fizeram por eles, esperam consegui-lo através do sucesso dos dois lutadores.
A mais dura luta que eles têm que travar não é no ringue, mas sim contra a família e sobretudo contra a droga e eles próprios.
Mais um filme excelente a não perder.
Só tenho uma crítica a fazer, não vemos, uma única vez, os glúteos do Mark Wahlberg.

2 comentários:

Sally disse...

Bolas, tenho mesmo de ver isto!!! Vou já avisar o jove.

(acreditas que chorámos os dois com o Million Dolar Baby?...)

(tb vamos chorar com este???)

Vani

Nawita disse...

Sally, (me likes so much!)
este filme vale tanto, mas tanto a pena ver.
Eu chorei, não sei de isto responde à tua pergunta.
Também chorei quando vi o Porky's....